Programa de Cátedras UNESCO e Redes UNITWIN no Brasil

© UNESCO

O Programa de Cátedras e Redes UNITWIN tem como principal objetivo a capacitação através da troca de conhecimentos e do espírito de solidariedade estabelecido entre os países em desenvolvimento.

Participam do programa centenas de universidades, em conjunto com instituições em geral, organizações governamentais e não governamentais ligadas à Educação Superior.

O Programa de Cátedras envolve treinamentos, pesquisas e outras atividades de produção de conhecimento, em consonância com os objetivos e diretrizes dos programas e áreas de maior prioridade da UNESCO.

Seu principal beneficiário são as instituições de Educação Superior dos países em desenvolvimento e de economias em transição. Em sua maioria, os projetos são interdisciplinares e envolvem simultaneamente diferentes instituições e variados setores da UNESCO, desde sua sede em Paris até seus Escritórios e seus Institutos.

O Programa foi lançado em 1992 junto com o programa UNITWIN (University twinning), com o objetivo de oferecer formação por meio do intercâmbio de conhecimentos e o espírito de solidariedade entre os países em desenvolvimento. Mais especificamente os dois programas visam: o fortalecimento da educação superior nos países em desenvolvimento; a promoção e facilitação de cooperação internacional (norte-sul e sul-sul) no campo da educação superior e a promoção da formação, pesquisa e outras atividades para a produção de conhecimento em consonância com os objetivos e as diretrizes dos programas e áreas de alta prioridade para a UNESCO (Educação para Todos, Água e ecossistemas, Ciência e Ética, Diversidade Cultural e Informação para Todos).

A maioria dos projetos é interdisciplinar e incluem instituições e vários setores da UNESCO, desde a sede em Paris até os escritórios nacionais, centros e institutos. Atualmente existem 638 cátedras e 60 redes UNITWIN, que envolvem mais de 770 instituições em 126 países diferentes.

No Brasil existem 25 cátedras, distribuídas entre as cinco regiões do país com menos densidade nas regiões Norte e Nordeste.

 

Informações Adicionais
Contato na Representação da UNESCO no Brasil
Voltar ao topo da página