17.04.2013 - UNESCO Office in Brasilia

Apoena mostra arte social no Fashion Rio

© Bete Faria Nicastro -Marlova Noleto (UNESCO), Maurício de Sousa, Katia Ferreira (Apoena) and Mônica de Sousa

O desfile de Primavera-Verão 2013/2014 do Fashion Week Rio, que acontece no Rio de Janeiro de 15 a 19/04, mostrou com sucesso, no dia 16/04, o resultado do trabalho de um projeto social: o Instituto Pró-Educação e Saúde – Proeza. A marca Apoena foi criada pelo Instituto e é responsável por comercializar o trabalho das mães atendidas. A coleção apresentada homenageou os 50 anos da Turma da Mônica, história em quadrinhos criada por Maurício de Sousa e conhecida de todos os brasileiros.

Na primeira fila do desfile estava o próprio Maurício de Sousa e suas filhas Mônica e Magali, inspiradoras dos quadrinhos. A marca apresentou 44 modelos, a maioria confeccionada manualmente.

A Coordenadora de Ciências Humanas e Sociais da UNESCO no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto, que acompanha há vários anos o trabalho do Instituto Proeza, também esteve presente e destacou que “o trabalho da marca Apoena representa uma enorme conquista para todas as mães que se empenham em mudar sua própria realidade por meio da arte. E é um marco para o programa Criança Esperança, que possibilita a concretização desta mudança”. Tanto a coleção apresentada como o Instituto são coordenados por Kátia Ferreira.

O Instituto Pró-Educação e Saúde – Proeza funciona em Brasília e recebe o apoio do programa Criança Esperança, da Rede Globo em parceria com a UNESCO.  Atende mulheres em situação de vulnerabilidade social e seus filhos por meio de ações lúdicas, culturais, artísticas e reforço escolar. São crianças e adolescentes de 6 a 14 anos - com histórico de trabalho infantil, violência doméstica, abuso sexual dentre outras formas de vulnerabilidade socioeconômica na cidade do Recanto das Emas – DF.

O objetivo do projeto é desenvolver programas de geração de renda para mulheres (mães e crianças atendidas), por meio de abordagem terapêutica utilizando o bordado como instrumento de recuperação emocional. Cada mulher acompanhada por um psicólogo irá representar em imagens bordadas o percurso de sua vida. O autoconhecimento e o preparo para lidar com conflitos reflete-se no estreitamento dos laços familiares e em um ambiente mais seguro para crianças e jovens. Trabalhando a inclusão social produtiva dessas mulheres, o projeto as capacita e insere os equipamentos necessários para qualificação e empoderamento do grupo, visando à ampliação da renda familiar e o estímulo do desenvolvimento socioeconômico local sustentável, focado na equidade de gênero.


Informações para a imprensa

UNESCO no Brasil
Ana Lúcia Guimarães, ana.guimaraes@unesco.org.br , 61-2106 3536
Isabel de Paula, isabel.paula@unesco.org.br , 61-2106 3538





<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página