12.12.2017 - UNESCO Office in Brasilia

Inscrições abertas para o Seminário Internacional Água e Transdiciplinaridade - Águas pela Paz

A água é muito mais do que mero recurso material. Com o tema “Águas pela Paz”, o II Seminário Internacional Água e Transdiciplinaridade promove a discussão a respeito da sustentabilidade desse importante elo entre povos e nações.

O evento acontece no Museu Nacional da República, nos dias 11 e 12/01/2018, em Brasília, e é preparatório oficial para o 8º Fórum Mundial da Água, que ocorre em março do mesmo ano.  A participação do público é gratuita e as inscrições podem ser feitas pelo site do evento.

O "Águas pela Paz" tem como objetivo contribuir na promoção da ética do cuidado e da cultura de paz nas relações de compartilhamento de água. Para isso, o Seminário trata da compreensão da água como bem público. No espaço de reflexão proposto, a perspectiva será internacional, intercultural, intergeracional, científica e espiritual, com base na solidariedade, no respeito aos valores e direitos humanos universais, à justiça social e aos direitos da natureza.

O Águas pela Paz é uma realização conjunta do movimento global Awaken Love, do Centro Internacional de Água e Transdiciplinaridade (CIRAT), do Instituto Espinhaço, da Universidade da Paz (UniPaz), da Universidade de Brasília (UnB) e da Secretaria de Meio Ambiente do Distrito Federal (SEMA/DF). O evento conta ainda com a parceria da UNESCO no Brasil e da Agência Nacional de Águas (ANA). A UNESCO no Brasil está colaborando com a divulgação do Seminário e com a participação de um palestrante. A iniciativa surgiu em 2011 com a realização do I Seminário Internacional Água e Transdiciplinaridade - Por uma Ecologia dos Saberes, promovido pelo Centro de Estudo Transdisciplinar da Água (CET).

Para o coordenador de Ciências Naturais da UNESCO no Brasil, Fábio Eon, “além de ser um evento preparatório para o 8º Fórum Mundial da Água, o Seminário Águas pela Paz inova e contribui para trazer ao debate uma visão mais humanista da água, que vai além do recurso natural a ser preservado. O Seminário analisa a água como um direito de todos e um valor a ser compartilhado. Assim, pode ajudar a pautar algumas discussões do Fórum, que acontece em março”. 

Educação, arte e cultura; Saberes e tradições; Direitos da natureza, pesquisa e inovação na perspectiva transdisciplinar; Gestão de territórios e mediação de conflitos são os temas transversais a serem explorados em painéis durante o evento. O Seminário conta, ainda, com a realização de oficinas diversas e um Ato Ecumênico será o ponto forte do seu encerramento.

Na composição dos painéis estão confirmados palestrantes de diversas nacionalidades e áreas do conhecimento. Entre eles, o líder espiritual e humanitário brasileiro Sri Prem Baba, que vai ministrar a Palestra Magna; o Cardeal Dom Sergio da Rocha, arcebispo metropolitano de Brasília; Dr. Beverly Rubik, Ph.D. em Biofísica; Anivaldo Miranda, Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco; Álvaro Tukano, diretor do Memorial dos Povos Indígenas; Moema Libera Viezzer, socióloga, educadora e escritora;  Massimiliano Lombardo, oficial de Meio Ambiente do Setor de Ciências Naturais da UNESCO no Brasil; entre outros.

Ao final do evento, um documento produzido durante o Seminário, a Carta Águas pela Paz, será remetido como contribuição ao 8º Fórum Mundial da Água e ao Fórum Alternativo Mundial da Água (FAMA 2018).

 

Informações para a imprensa:

 

  • Coordenação de Comunicação do Águas pela Paz

Rachel Rosa, rachel.rosa(at)atitudebrasil.com, (61)99994 – 5322

 

 

  • UNESCO no Brasil

Ana Lúcia Guimarães, a.guimaraes(at)unesco.org, (61)2106-3536

Fabiana Pullen, f.sousa(at)unesco.org, (61)2106-3596




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página