02.05.2013 - UNESCO Office in Brasilia

Cemitério do Caju recebe visita de alunos na Trilha dos Ilustres Mortais

Alunos da Escola Municipal Marechal Mascarenhas de Moraes, do bairro do Caju, fizeram um passeio um pouco diferente do que estão acostumados. Eles conheceram a ‘Trilha dos Ilustres Mortais’, no cemitério São Francisco Xavier. O objetivo foi permitir aos estudantes da unidade, que integra o programa Escolas do Amanhã, conhecer pessoas célebres sepultadas no local, que integra o maior complexo de cemitérios do Rio.

A iniciativa surgiu a partir de uma pesquisa das gestoras de Núcleo do Bairro Educador (um dos parceiros do Escolas do Amanhã) Kalina Honório e Marcelly Pereira como uma oportunidade de prestigiar o que existe no bairro do Caju, mais conhecido pelo cemitério. Além disso, relacionar com o conteúdo que os alunos aprendem nas salas de aula.
 
“Antes da visita os professores apresentaram aos alunos quem foram algumas das personalidades que estão enterradas lá. Desde Clarice Lispector nas aulas de língua portuguesa como o Presidente da República, João Figueiredo, nas aulas de história e geografia”, afirmou Kalina.
 
Durante o passeio de cerca de uma hora, os alunos do 6o Ano percorreram o cemitério e tiraram dúvidas sobre quem foram alguns dos personagens famosos da cultura brasileiras enterrados no local, como Noel Rosa e o Barão de Rio Branco.  A Trilha dos Ilustres Mortais, organizada pelo Bairro Educador, recebeu alunos de todas as escolas da região no mês de abril.
 
 “É a primeira vez que entro aqui, sempre tive um pouco de medo, mas com meus amigos e professores fica divertido, é um lugar muito bonito e calmo e tem bastante gente que eu nem conhecia”, disse o aluno Lucas Morone.
 
A Trilha serve como grande incentivo para a comunidade do Caju prestigiar o cemitério e deixar para trás o estigma negativo pela qual era conhecida a região. “Era comum muitos moradores terem vergonha de dizer que moravam no Caju e esse projeto pretende mudar esse pensamento além de dar as crianças  uma nova perspectiva sobre a região onde elas vivem”, explicou Marcelly.

“É incrível poder participar desse passeio com nossos alunos e mostrar que eles têm acesso a tamanha riqueza cultural logo ao lado de casa”, disse Nagela Gonçalves, professora de geografia da escola.
 
O Bairro Educador é um dos parceiros do programa Escolas do Amanhã que tem como um de seus objetivos facilitar a integração entre a comunidade e as escolas para transformar a comunidade em uma extensão do espaço escolar além de fortalecer o projeto pedagógico e integrar o processo de aprendizagem ao cotidiano.
 
O programa Escolas do Amanhã foi criado pela Secretaria Municipal de Educação o em 2009, em parceria com a UNESCO, e tem como principal objetivo melhorar a qualidade do sistema educacional e reduzir a evasão escolar em áreas conflagradas ou pacificadas da cidade. 

(Fonte: Programa Escolas do Amanhã - Secretaria Municipal de Educação - Rio de Janeiro)

 




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página