26.04.2019 - UNESCO Office in Brasilia

Fórum Campinas pela Paz celebra Dia Internacional do Jazz

A segunda edição do Fórum Campinas pela Paz será realizada nos dias 27 e 30/04/2019 e 01/05/2019. A ação se insere nas atividades do Dia Internacional do Jazz, comemorado anualmente no dia 30/04. A data reúne comunidades, escolas, artistas, historiadores, acadêmicos e entusiastas do jazz em todo o mundo para celebrar e aprender sobre o estilo musical que dá voz às aspirações de milhões de pessoas e é ao mesmo tempo uma língua universal da paz e um incrível símbolo da livre expressão e da dignidade humana.

O evento terá diferentes atrações, mantendo a música como principal eixo articulador, e conta com a cooperação da UNESCO no Brasil, e a chancela do Banco Mundial e do Fórum das Américas.

A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas se apresenta na abertura, marcada para o dia 27/04, no Teatro Castro Mendes. No dia 30/04, na Praça Arautos da Paz, a partir das 17h30, se iniciam as apresentações do percussionista internacional e cantor Airto Moreira, da poeta, cantora e atriz Elisa Lucinda e da banda de samba jazz Black Rio. No dia 01/05, a partir 10h, várias atrações locais se apresentam na Praça Arautos da Paz, com destaque para o show da cantora e compositora Ellen Oléria.

O coordenador de Ciências Humanas e Sociais da UNESCO no Brasil, Fábio Eon, participa, da mesa-redonda “O papel dos organismos internacionais na construção da Cultura de Paz e dos Direitos Humanos”, às 14h30 do dia 30/04, no Salão Vermelho da Prefeitura de Campinas. O debate será mediado por Silvana Nader, da UNIMETROCAMP, e também terá a participação da especialista Jurídico e de Gênero do Banco Mundial, Paula Tavares.

No evento, também será distribuída a publicação Escrever a Paz, da UNESCO, que apresenta diversas palavras, entre elas ‘paz’, em mais de 20 sistemas de escrita. A publicação se inspirou na exposição “Writing Peace” (“Escrever a paz”), que foi inaugurada no Dia Internacional da Paz (21/09/2012), na sede da ONU, em Nova York. A publicação busca fornecer uma viagem por diversas culturas por meio de seus alfabetos, uma vez que a escrita é uma das ferramentas de diálogos que podem ser aliadas importantes no alcance da paz.

A secretária Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, Eliane Jocelaine Pereira, ressaltou que a segunda edição do Fórum Campinas pela Paz alcançará um novo degrau rumo à cultura de paz na cidade. “A escolha da música como primeiro eixo articulador de todo o temário do Fórum Campinas pela Paz é fundamental para a transformação da humanidade, por permitir a reelaboração de emoções, percepções e sentimentos. Também possibilita refletir sobre os temas a partir da compreensão da música para além dela mesma, valorizando os aspectos social, político e cultural que a envolvem”, afirmou.

#CampinasPelaPaz

O Fórum é um desdobramento das ações do movimento #CampinasPelaPaz, promovido pela Prefeitura Municipal de Campinas em 2017. “Demos início a uma política pública indutora da construção da paz em nossa cidade, que teve como primeira etapa a criação do Conselho Municipal de Cultura de Paz”, afirmou Eliane Jocelaine.

Ela aponta que, em seguida, veio o lançamento municipal do Pacto Universitário pela Promoção do Respeito à Diversidade, da Cultura de Paz e dos Direitos Humanos, firmado entre Prefeitura Municipal, Ministério da Educação, Ministério dos Direitos Humanos, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Faculdades Anhanguera (FAC). (Com informações da Prefeitura de Campinashttp://www.campinas.sp.gov.br/noticias-integra.php?id=36199)




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página