01.12.2009 -

Diretora-Geral da UNESCO visita o Brasil

© UNESCODirector-General, Irina Bokova, and UNESCO Brasilia Office director, Vincent Defourny, during her visit to UNESCO Brasilia Office

Irina Bokova se encontra com o secretariado da UNESCO no Brasil e com autoridades do governo brasileiro em 30 de novembro, e participa da solenidade de abertura da CONFINTEA VI em 1 de Dezembro

Brasília, 30/11/2009 - Primeira mulher e única representante do Leste Europeu a assumir o cargo de Diretora-Geral da UNESCO, a búlgara Irina Gueorguieva Bokova chegou ao Brasil ontem para participar da Sexta Conferência Internacional de Educação de Adultos (CONFINTEA VI), que acontece em Belém de 01 a 04 de dezembro. A nova Diretora-Geral da Organização, que assumiu o cargo no último dia 15 de novembro para um mandato de quatro anos, se reuniu, nesta segunda-feira (30/11), com funcionários da UNESCO, e depois teve um encontro com autoridades brasileiras no Itamaraty.

Durante a visita ao escritório da UNESCO em Brasília, pela manhã, Irina Bokova falou da responsabilidade que a Organização tem em promover seus ideais mais importantes, sobretudo em um mundo globalizado e marcado pela crise econômica internacional. «Precisamos resgatar nosso espírito inicial de ajudar a construir a paz na mente dos homens e das mulheres, e fortalecer o diálogo e  o respeito entre as culturas», ressaltou, destacando que o Brasil, como país multiétnico e multicultural, tem um papel relevante nesse trabalho.

A Diretora-Geral afirmou que 2010 será um ano muito propício para a promoção do diálogo cultural, uma vez que será celebrado pelas Nações Unidas o Ano Internacional para a Aproximação das Culturas, cuja agência líder será a UNESCO. O objetivo do Ano Internacional é fazer da aproximação entre as culturas a marca de toda uma política de decisões em níveis local, nacional, regional e internacional, envolvendo o maior número de interessados.
Ela lembrou ainda que, também no próximo ano, será realizado, no Brasil, um importante encontro da Aliança de Civilizações, que terá a cooperação da UNESCO.

« A UNESCO é uma organização formidável, que pode dar respostas ao que se passa no mundo e com a humanidade », afirmou otimista a DG, que se disse orgulhosa por ser a primeira mulher a ocupar o cargo de direção da UNESCO. « Temos o desafio mundial da equidade, pois há muitas mulheres que trabalham mas não alcançam os postos mais elevados. Vou trabalhar para equilibrar essa situação », afirmou.

Irina Bokova participa amanhã, terça-feira, da cerimônia de abertura da CONFINTEA VI, ao lado do Ministro da Educação, Fernando Haddad, do ex-presidente de Mali e fundador do Movimento pelos Estados Unidos da África, Alpha Oumar Konaré, e da Princesa Laurentien dos Países Baixos, Representante Especial da UNESCO para  Alfabetização para o Desenvolvimento.




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página