10.08.2017 - UNESCO Office in Brasilia

Projeto Educação Livre discute o papel das organizações sociais no mundo do trabalho

Organizações sociais de Salvador e do interior da Bahia foram convidadas para participar da Campus Party Salvador e trocar ideias sobre educação de jovens.

O projeto Educação Livre convidou organizações sociais baianas - da capital e do interior do estado - para trocar ideias  sobre  colaboração e atuação conjunta na educação  de  jovens.  A  programação  faz  parte  das  estratégias  de formação e fortalecimento da rede com organizações da Sociedade Civil para ampliação do uso da Plataforma Edulivre.

As atividades começam no próximo dia 10/08/2017, na Campus Party, em Salvador (BA) - CPBA. Os convidados vão participar da palestra Jovens, tecnologia e emprego: o papel das organizações sociais para o mundo do trabalho, no futuro, na Arena da CPBA. Em seguida, as ONGs serão recebidas no estande  do  EduLivre para navegar na plataforma e trocar percepções sobre o projeto. No segundo dia de atividades (11/08), o grupo vai conversar sobre os desafios e as possibilidades de engajamento do público jovem na plataforma Edulivre.

"Queremos abrir o diálogo com essas organizações. Ouvir ideias sobre como podemos  fortalecer  a  rede  e,  principalmente, sobre  como  engajar  o  jovem no processo de aprendizagem, usando o EduLivre. Esse colaborativo é fundamental para o projeto", completa Márcio Guerra, gerente executivo da UNINDUSTRIA e do projeto Educação Livre.

Como participar

As ações de formação e fortalecimento da rede EduLivre são constantes. As organizações interessadas em participar da rede podem entrar em contato pelo site www.edulivre.org.br.

O EduLivre é uma tecnologia social, criada na linguagem do jovem. Gratuita, digital e de fácil acesso, a plataforma oferece trilhas de conhecimentos, com micro lições. As micro lições trazem sentido real para os conhecimentos de matemática, português e habilidades para a vida. Por meio de vídeos, histórias e reflexões, os jovens entendem e aplicam o que aprenderam.

O Projeto Educação Livre - Aprendizagem Digital para Inclusão no Mundo do Trabalho - é uma iniciativa do Departamento Nacional do Serviço Social da Indústria (SESI) e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em parceria com a UNESCO no Brasil.

Você sabia?

Segundo dados da última PNAD (2015), no Brasil, há 44,7 milhões de jovens entre 16 e 29 anos. Desses, 24,6 milhões são de baixa renda, 13 milhões de jovens estão  sem emprego  e 2,9 milhões  não tem ensino médio completo.De acordo com dados do Censo Escolar (2015), apenas 58% dos jovens que começam Ensino Fundamental terminaram o Ensino Médio aos 19 anos de idade.

Informações para a imprensa:

Educação Livre

Laura Gris, laura(at)edulivre.org.br, (61) 3317-1225 ou (61) 98374-9435

UNESCO no Brasil

Ana Lúcia Guimarães, a.guimaraes(at)unesco.org, (61) 2106-3536 ou (61) 99966-3287

Fabiana Pullen, f.sousa(at)unesco.org, (61) 2106-3596




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página