22.06.2012 - UNESCO Office in Brasilia

Educar para o futuro sustentável: a UNESCO estimula apoio na Rio+20

© UNESCO - (left to right) Kartikeya SARABHAI, Director, Centre for Environment Education, Ahmedabad, India; Annika MARKOVIC, Environment Ambassador, Ministry for the Environment, Sweden; Greg SELINGER, Premier of Manitoba, Canada; Shigeharu KATO, Director-General for International Affairs, Ministry of Education, Culture, Sports, Science and Technology of Japan, and Secretary-General of the Japanese National Commission for UNESCO; Irina BOKOVA, Director-General of UNESCO; Gretchen Kalonji, Assistant Director-General Natural Sciences, UNESCO; Jeffrey SACHS, Director of the Earth Institute, Columbia University; Thiago SCHLIEPER, secondary school student from Brazil (participant in the Young Masters ESD Programme); Rafael ZULLI, secondary school student from Brazil (participant in the Young Masters ESD Programme).

Sérios investimentos em Educação para o Desenvolvimento Sustentável (EDS) são essenciais para executar os compromissos da Conferência Rio+20. Esta foi a mensagem do evento paralelo da UNESCO sobre EDS, que teve muita audiência “Educar para o Futuro Sustentável”, o qual Irina Bokova, diretor-geral da UNESCO abri em 21 de junho. O painel de alto nível de discussão foi um dos mais assistidos eventos da Conferência.

O desenvolvimento sustentável, a diretora-geral enfatizou, “deve começar com a educação – educação que empodere mulheres e homens com novos valores e comportamentos para encontrar soluções para os desafios de hoje e de amanhã, educação que desenvolva novas e relevantes habilidades. A mudança deve começar com a Educação para o Desenvolvimento Sustentável”. A sra. Bokova explicou que isto significava a revisão de currículos, a integração de desafios fundamentais de desenvolvimento sustentável no ensino e na aprendizagem, como a mudança climática por exemplo, a adoção de “ novos métodos para motivar e empoderar alunos a mudar de comportamento e tornarem-se atores para o desenvolvimento sustentável” .

A UNESCO, como agência líder da Década das Nações Unidas da Educação para o Desenvolvimetno Sustentável, organizou o evento em parceria com o Governo da Suécia e o Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ciência e Tecnologia do Japão.

Participantes do painel, o qual foi presidido por Gretchen Kalonji, diretora-geral assistente em ciências naturais da UNESCO, compartilhou exemplos de boas práticas em EDS e afirmou ser crucial a necessidade de harmonizar a educação para referenciar os enormes desafios debaticos na Conferência Rio+20. Entre os painelistas estavam: Shigeharu Kato, diretor-geral de assuntos internacionais, Ministério da Educação, Cultura, Esportes, Ciência e Tecnologia do Japão e secretário-geral da Comissão Nacional da UNESCO no Japão; Greg Selinger, premier de Manitoba, Canada; Annika Markovic, embaixador de meio ambiente, Ministério do Meio Ambiente da Suécia; Jeffrey Sachs, diretor do Instituto Terra da Universidade de Columbia; Kartikeya Sarabhai, diretor do Centro de Meio Ambiente e Educação de Ahmedabad, India; Rafael Zulli e Thiago Schlieper, estudantes de ensino médio do Brasil.

Jeffrey Sachs parabenizou a UNESCO por sua liderança em educação em geral e em EDS em particular. Shigeharu Kato falou sobre a importância da boa parceria com a UNESCO, particularmente no campo de redução de riscos de desastres. Kartikeya Sarabhai lembrou os participantes que a EDS concerne a todos da comunidade e não somente as escolas. Os estudantes painelistas disse que a EDS tornou a Educação deles mais estimulante, dinâmica e relevante. O representante da Suécia reafirmou seu compromisso de longo tempo com a EDS e Greg Selinger falou sobre o recém lançado Plano Verde de Manitoba,”Amanhã Agora!, o qual visa fazer a Manitoba um dos lugares mais sustentáveis da Terra para se viver.

O evento incluiu o lançamento da nova publicação da UNESCO “Shaping the Education of Tomorrow: 2012 Report on the UN Decade of Education for Sustainable Development”. O autor do relatório, Arjen Wals, presidente da Aprendizagem Social e Desenvolvimento Sustentável da UNESCO em Wageningen University, Holanda, apresentou a publicação.

No mesmo dia, a diretora-geral também participou de outros dois eventos paralelos intitulados “Desenvolvimento Sustentável e Água: Objetivo Global, Metas, Parcerias”, organizado pela Finlândia, e “Pessoas Resilientes, Planeta Resiliente: um Fututo que Vale a Pena Escolher”, organizado pela Painel de Alto Nível em Sustentabilidade Global do Secretário Geral das Nações Unidas. A diretora-geral também compareceu no evento “Cúpula das Mulheres Líderes sobre o Futuro que as Mulheres Querem” que foi organizado pela ONU Mulheres em colaboração do Governo do Brasil. 




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página