18.11.2014 - UNESCO Office in Brasilia

Experiências em educação preventiva ao uso de drogas: experiências do Brasil

© UNESCO

Crianças e adolescentes frequentemente são vítimas da violência estrutural que caracteriza países como o Brasil – marcado por grande desigualdade – e passíveis de sofrer violação de seus direitos humanos mais elementares: à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à segurança, ao lazer, entre outros. Apesar de vulneráveis, esses jovens são vistos por parte da população como ameaça. Entretanto, a maioria chega à idade adulta com hábitos saudáveis e de forma funcional e pacífica, e apenas um pequeno número de jovens desenvolve hábitos negativos, como o abuso de drogas e o envolvimento com a criminalidade. Porém, são enormes os danos associados ao uso de drogas. Com base nesse contexto e reconhecendo a relação entre criminalidade, drogas e violência, são grandes os desafios do governo, das organizações da sociedade civil e da comunidade, para oferecer a crianças e jovens uma educação preventiva e transformadora, capaz de reduzir as vulnerabilidades e os danos associados ao uso de drogas. Esta publicação mostra algumas experiências brasileiras bem-sucedidas em ações de educação preventiva de forma a servirem de exemplo aos esforços para buscar soluções conjuntas e alternativas inovadoras, abrangentes e integrais.

Brasília: UNESCO, 2014. 37 p., il. ISBN: 978-85-7652-148-8




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página