02.12.2016 - UNESCO Office in Brasilia

Mensagem da UNESCO para o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência

Mensagem de Irina Bokova, diretora-geral da UNESCO, por ocasião do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, 03/12/2016

Todos os anos, o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência é uma oportunidade para o mundo se unir contra a discriminação de mulheres e homens com deficiências, assim como para levantar a bandeira da inclusão e do empoderamento por meio da educação, das ciências, da cultura e da comunicação e informação.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável vincula inclusão e desenvolvimento – isso é essencial, porque as pessoas com deficiências continuam a enfrentar discriminação, violência, estigma e exclusão. Isso é verdade, especialmente, para os grupos mais vulneráveis da sociedade, como migrantes, refugiados e indígenas com deficiências. Mulheres e meninas também suportam pesados fardos, como a falta de oportunidades, bem como o maior risco de sofrerem abuso, violência e exclusão. Esses desafios lançam uma sombra sobre as nossas sociedades como um todo.

Neste ano de ação para fazer avançar a Agenda 2030, a nossa mensagem é clara – o desenvolvimento sustentável não será possível sem a inclusão plena de pessoas com deficiências em todos os níveis, sem que seus papéis e vozes sejam incorporados às decisões e às políticas.

A UNESCO está realizando tudo ao seu alcance para apoiar a implementação da Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência (2006), assim como para fazer avançar os novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Precisamos redobrar os esforços para garantir que todas as mulheres e todos os homens com deficiências, em todo o mundo, sejam plenamente integrados em todos os aspectos da vida social, política, cultural e econômica, para construir um mundo que seja pluralista, aberto, participativo e fundamentado no conhecimento. É dessa forma que as nossas sociedades se tornarão realmente inclusivas.

Isso deve começar com a educação. A UNESCO apoia os seus Estados-membros na implementação do ODS 4 – Educação 2030, que compromete todos os países a assegurar acesso igualitário a todos os níveis de educação e formação profissional, independentemente da situação de deficiência.

Devemos aumentar a visibilidade para uma defesa (advocacy) mais forte. Essa é a importância do Prêmio UNESCO-Emir Jaber al-Ahmad al-Jaber al-Sabah para o Empoderamento Digital das Pessoas com Deficiência, que este ano irá reconhecer a contribuição excepcional de indivíduos e organizações na promoção da inclusão e da acessibilidade, assim como para melhorar a vida de pessoas com deficiência por meio da utilização de soluções, recursos e tecnologias digitais.

A UNESCO também revisou a Carta Internacional da Educação Física, da Atividade Física e do Esporte, para reforçar a educação física, a atividade física e o esporte em todo o mundo. Da mesma forma, a Organização acompanha os Estados-membros na revisão de políticas nacionais de educação física, para que estas se tornem flexíveis, sensíveis, inclusivas e  centradas nas crianças, independentemente das habilidades.

Nesse espírito, dedicamos o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência de 2016 à promoção dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, para construirmos juntos um mundo mais inclusivo e igualitário para todos.




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página