Relatório Mundial "Re|pensar políticas culturais" - lançamento no Brasil

O Relatório Mundial de Políticas Culturais é um instrumento valioso para implementar a Convenção de 2005 sobre a proteção e a promoção da diversidade das expressões culturais nos países. Ele avalia os progressos realizados e os desafios encontrados no avanço das metas da Convenção, ratificada por 146 países-membros. É o guia de ação da UNESCO para o fortalecimento de capacidades para produção, criação e disseminação de bens, atividades e serviços culturais. A Convenção apoia o direito soberano dos Estados de implementar políticas públicas destinadas a fortalecer e dinamizar os setores das indústrias cultural e criativa e promover a diversidade das expressões culturais. O documento também contribui para o desenvolvimento sustentável.

O Relatório Mundial 2018 – Repensar as Políticas Culturais: Criatividade para o Desenvolvimento foi lançado em um evento no dia 6 de novembro de 2018, em São Paulo, no marco da primeira edição do Mercado das Indústrias Criativas do Brasil (MicBR), que reuniu artistas e empreendedores dos setores culturais e criativos do Brasil e de outros países da América do Sul,  no corredor cultural da Avenida Paulista.

Links relacionados:

RELATÓRIO MUNDIAL RE|PENSAR AS POLÍTICAS CULTURAIS

O Relatório mundial examina como a Convenção de 2005 tem inspirado a mudança política nos âmbitos mundial e nacional em dez áreas culturais.  Ele se baseia na análise dos Relatórios Periódicos Quadrienais submetidos pelos Estados Partes da Convenção, apresenta novas descobertas relevantes e também apresenta recomendações de políticas culturais para o futuro. 

A UNESCO no Brasil agradece, em especial, ao Ministro da Cultura no Brasil pelo apoio na tradução para o português do Relatório Mundial 2018, e também pela colaboração na revisão técnica, bem como na impressão e distribuição de cópias impressas deste material. 

Downloads:

 

 

Voltar ao topo da página