Mudança Climática no Brasil

© UNESCO/Nelson Muchagata

A mudança climática está tendo um impacto significativo nos padrões climáticos, nas precipitações e no ciclo hidrológico, afetando a disponibilidade de água superficial, assim como a umidade do solo e reposição de água subterrânea. Um recente estudo estima que a mudança climática está acontecendo devido ao crescimento global da escassez de água (20%), e devido ao crescimento populacional e ao desenvolvimento econômico (80%). 

O Brasil tem tentado se alinhar as estruturas setoriais à conjuntura nacional e internacional sobre a questão da mudança climática. Persistem, todavia, problemas de carência de recursos humanos em quantidade e qualidade, deficiências de infraestrutura e logística capazes de atender questões emergentes do conflito entre desenvolvimento econômico e medidas de proteção, conservação e uso sustentável dos ativos ambientais.

Alguns esforços que o Brasil tem feito para enfrentar desafios da mudança climática:

Recursos orçamentários e financeiros em quantidade insuficiente e, frequentemente, não disponíveis quando necessários, aliados à baixa capacidade de execução de fundos de doação e financiamento internacionais, impedem que se estabeleça uma gestão continuada dos programas e projetos essenciais à evolução e ao estabelecimento de uma gestão integrada da política ambiental.

Voltar ao topo da página