09.05.2012 - UNESCO Brasilia Office

Comissão Oceanográfica Intergovernamental informa ministros do Meio Ambiente sobre desafios da Rio+20 quanto aos oceanos

Ministros do Meio Ambiente de mais de 30 países da Aliança dos Pequenos Estados Insulares (AOSIS), dos países menos desenvolvidos e de vários países latino-americanos e europeus, participaram de uma mesa-redonda ministerial informal – um acompanhamento das negociações sobre o clima realizadas em Durban – organizada pela comissária da União Europeia para o Clima, Connie Hedegaard, pelo comissário da UE para o Meio Ambiente, Janez Potočnik, e pela presidência dinamarquesa do Conselho da UE, em 7 e 8 de maio de 2012.

A mesa-redonda teve como objetivo basear-se nos importantes avanços alcançados na Conferência sobre o Clima de Durban, em 2011, e identificar potenciais prioridades e objetivos comuns para a Conferência Rio+20. Nessa perspectiva, a Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO (UNESCO-COI) forneceu uma visão global sobre as questões-chave relativas aos oceanos que estão sendo discutidas no processo de negociações da Rio+20 e destacou várias metas desejáveis quanto aos oceanos, que caracterizariam um resultado bem-sucedido na Rio+20. Algumas das áreas-chave destacadas foram a conservação da biodiversidade marinha, a acidificação dos oceanos, a poluição marinha, o investimento necessário em ciência e o desenvolvimento de capacitação para a transição para uma economia azul e verde.

Links relacionados:




<- Back to: Todas as notícias
Voltar ao topo da página