18.06.2013 - UNESCO Office in Brasilia

Arquivo de Niemeyer e documentos de Dom Pedro II são inscritos no Registro Memória do Mundo da UNESCO 2013

Uma coleção com 8.927 documentos, esboços, álbuns e desenhos técnicos do arquiteto Oscar Niemeyer e o patrimônio documental de viagens do imperador D. Pedro II no Brasil e no exterior estão entre as 54 novas inscrições no Registro do Programa Memória do Mundo da UNESCO aprovadas hoje pela Diretora-geral da UNESCO, Irina Bokova. As duas propostas apresentadas pelo Brasil foram analisadas pelo Comitê Consultivo Internacional do Programa Memória do Mundo, que está reunido em Gwangju, República da Coreia, de 18 a 21 de junho.

Conforme a proposta de inscrição encaminhada pelo Brasil à UNESCO, o patrimônio documental de Niemeyer, falecido no ano passado, forma um valioso registro da obra de um artista que transformou a arquitetura do século XX no mundo. Muitos destes documentos, além de constituir fontes primárias, são considerados verdadeiras obras de arte. Os esboços e álbuns são documentos originais, raros e, principalmente, únicos. Neles se distingue não só as curvas e a poesia características da obra de Niemeyer, mas também o método de trabalho do arquiteto.

A coleção de documentos de D. Pedro II se refere a registros de viagens do imperador realizadas entre 1840 e 1913. D. Pedro II empreendeu várias viagens ao longo dos 49 anos do seu reinado, percorreu o Brasil e quatro continentes, permitindo-lhe experimentar novas terras e culturas. Estes documentos foram escritos ou recebidos por D. Pedro II durante um período de profundas mudanças históricas, que mais tarde se tornariam as mais modernas referências culturais, tudo a partir da perspectiva de um observador privilegiado, o Imperador do Brasil, e seus parceiros, principalmente os intelectuais. Estas declarações não só revelam aspectos do pensamento, de descobertas científicas, da diversidade cultural e das paixões políticas, mas também permite analisar as relações diplomáticas entre o Brasil e países de outros continentes.

Entre as novas inscrições também estão documentos referentes à vida e à obra de Ernesto Che Guevara: dos manuscritos originais de sua adolescência e juventude até seu Diário de campanha na Bolívia, apresentado pela Bolívia e por Cuba e a coleção de testemunhos de vítimas do Holocausto conservada em Yad Vashem de Jerusalém, apresentada por Israel.

Mais informações sobre as novas inscrições do Brasil (em espanhol):

Mais informações sobre as novas inscrições de 2013:

Informações para a imprensa:

UNESCO no Brasil
Ana Lúcia Guimarães, a.guimaraes(at)unesco.org, + 55 61-2106 3536




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página