14.11.2018 - UNESCO Office in Brasilia

Mensagem da UNESCO para o Dia Mundial da Filosofia

Mensagem da diretora-geral da UNESCO, Audrey Azoulay, por ocasião do Dia Mundial da Filosofia, 15 de novembro de 2018

A filosofia desenvolve-se a partir da necessidade humana de entender o mundo ao seu redor e de identificar princípios que guiem suas ações. Essa necessidade antiga não é menos pertinente hoje. Quase 3 mil anos depois de a filosofia ter surgido pela primeira vez na China, no Oriente Médio e na Grécia Antiga, as questões levantadas na busca pela sabedoria ao longo dos tempos não perderam nada de sua relevância ou universalidade; na verdade, ocorre o contrário.

Em um mundo cada vez mais complexo, onde prevalece a incerteza, onde as mudanças sociais e as revoluções tecnológicas obscurecem pontos de referência tradicionais, os desafios sociais e políticos são imensos, a filosofia continua sendo um recurso essencial. Ela nos permite recuar e ser mais flexíveis, além de iluminar o caminho adiante.

A filosofia nos liberta da tirania do "tempo real", ajudando-nos a contemplar as questões sob uma perspectiva histórica e com o rigor intelectual necessários. Ela nos dá ferramentas para entender e sintetizar de forma acessível as inúmeras esferas de conhecimento da humanidade, incluindo biologia, genética, ciência da computação, ciência cognitiva, direito, economia e ciência política. A filosofia nos permite perceber por detrás do conhecimento especializado as questões que são estritamente humanas, as questões de significado e princípio.

A filosofia também nos ajuda a refletir precisamente sobre os princípios que fundamentam a vida da comunidade, levantando questões relativas à justiça, paz, ética e moralidade. Essas questões são especialmente relevantes na sociedade atual, onde os avanços da inteligência artificial parecem estar redefinindo as fronteiras humanas.

Finalmente, a filosofia implica uma abordagem e uma atitude particulares: uma abertura ao diálogo e à troca de opiniões, uma disposição para se adaptar ao que é considerado diferente e a coragem intelectual de questionar estereótipos e desconstruir dogmatismos.

Por todas essas razões, a filosofia é um recurso fundamental para a convivência e para todas as sociedades que são livres e pluralistas – ou que desejam ser assim.

A UNESCO, cujo mandato ressoa com a natureza universalista da filosofia, sempre deu atenção especial à disciplina. Nossa Organização está, portanto, muito satisfeita por celebrar, mais uma vez, o Dia Mundial da Filosofia, por meio de uma série de eventos que acontecerão nos dias 15 e 16 de novembro, na sede em Paris. Oficinas, mesas-redondas e conferências serão realizadas ao longo de dois dias especiais e uma noite durante a qual os amantes da filosofia de todas as idades e as origens culturais poderão explorar todos os tipos de tópicos e desfrutar de discussões e reflexões.

Neste Dia Mundial da Filosofia, a famosa máxima de Sócrates, “só sei que nada sei”, inspira-nos todos juntos a dar alguns passos adiante em direção à surpreendente vastidão do conhecimento. 




<- Back to: Visão Exclusiva do Conteúdo Dinâmico
Voltar ao topo da página